fbfbfb
fb+351 253 421 246
search
Artigo

O Recolhimento das Trinas ou das beatas de Nossa Senhora das Mercês

Data:
2021

Autor(es):

Resumo:

Este trabalho, de índole monográfica, incide sobre a história de uma secular instituição vimaranense de assistência – o Recolhimento das Trinas, também conhecido como “das merceeiras” ou “das beatas de Nossa Senhora das Mercês”.

O texto inicia-se com uma visão geral do século XVII, período de crises permanentes; desenvolve a situação familiar e social da mulher de então, seu papel e estatuto; sublinha a preocupação com as “desamparadas” e a criação de vários tipos de recolhimentos femininos.

É nesse contexto que se deve entender a instituição, em Guimarães, do Recolhimento das Trinas, destinado inicialmente a seis mulheres merceeiras; foi criado por iniciativa do doutor Paulo de Mesquita Sobrinho, que para tal fez uma importante doação. Do contrato assinado em 20 de abril de 1653, constam as obrigações do instituidor, das recolhidas e da Santa Casa da Misericórdia de Guimarães, na qualidade de administradora do legado e do Recolhimento.

Nos capítulos posteriores analisam-se sucessivamente a gestão da instituição, as condições de admissão e as categorias de recolhidas, a vigilância exercida sobre o seu comportamento, o viver quotidiano, o edifício com quintal e capela, e finalmente as vicissitudes que o Recolhimento atravessou até à extinção, já no século XXI, do lar de idosas em que fora transformado.


Tipo:
Artigo

URI:

ISSN:
0871-7478

Publicação:

Ficheiro(s)

Designação
Formato
Tamanho
Língua

bth2021_3.pdf
PDF
690.73KB
PT